Ministério Público Itinerante atende moradores de mais três cidades mineiras


Imprimir

Publicado em: 06/12/2018

As cidades de Orizânia, Pedra Bonita e Sericita receberam o nos dias 27, 28 e 29 de novembro.

A equipe de Projetos Sociais do Recivil, em parceria com os cartórios de Registro Civil, voltou a atender moradores do interior do estado interessados em obter a segunda via das certidões de nascimento, casamento e óbito.


Desta vez, as cidades de Orizânia, Pedra Bonita e Sericita receberam o projeto Ministério Público Itinerante, respectivamente nos dias 27, 28 e 29 de novembro.


Em Orizânia, a ação resultou em 96 atendimentos, sendo 63 pedidos somente de segunda via da certidão de nascimento. A registradora Natalia Fialho da Silva parabenizou a equipe do projeto pelo trabalho. “Quando se reúne uma equipe competente é quase certo que os frutos valerão a pena ser colhidos. Mas vocês superaram todas as expectativas. É um orgulho compartilhar local de trabalho com profissionais tão capazes e dedicados. Todos estão de parabéns e merecem um sincero agradecimento pelo trabalho feito”, disse a oficiala.

 

A registradora de Orizânia, Natalia Fialho (dir.), ao lado da escrevente Thainara Guilherme de Albergaria.


Já em Pedra Bonita, foram 73 certidões de nascimento, 26 de casamento e oito retificações, totalizando 107 atendimentos. O oficial de Registro Civil, Alkimar Rodrigues da Proclamação, também falou sobre o trabalho desenvolvido pela equipe do Recivil e de todo o projeto.


“O esforço e o apoio de toda equipe é fundamental para que nossos objetivos se tornem mais fáceis de serem executados, as mudanças se tornam mais simples de serem implementadas e os problemas se tornam grandes oportunidades de aprendizado e evolução. Agradecemos também a toda equipe do Recivil por sempre tratarem as questões da nossa classe como suas”, agradeceu Alkimar.

 

O registrador civil de Pedra Bonita, Alkimar Rodrigues (dir.), posou ao lado da equipe do seu cartório.


Na última cidade a receber o Ministério Público Itinerante, Sericita, 65 pessoas foram atendidas. A grande maioria, 48, em busca da segunda via da certidão de nascimento. Também foram feitas 14 segundas vias de certidões de casamento e três retificações.


“É de tamanha importância o Recivil e o MP Itinerante pela prestação de contas de cidadania que a gente presta à comunidade. O povo é carente sim, temos muitas dificuldades, mas sempre um ajudando o outro”, disse a oficiala da cidade, Lecy Ferreira da Costa Santana.

 

A registradora Lecy Ferreira entregando a segunda via da certidão à moradora de Sericita. 

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Recivil (Jornalista Melina Rebuzzi)