Recivil auxilia trabalhos na Unidade Interligada instalada no IML em Belo Horizonte


Imprimir

Publicado em: 01/02/2019

Nos três primeiros dias de funcionamento da Unidade Interligada foram feitos 22 registros de óbito.

O Recivil está auxiliando, desde terça-feira (29.01), o trabalho realizado na Unidade Interligada (UI) instalada no IML para atendimento aos familiares das vítimas do rompimento da barragem da mina do Feijão, em Brumadinho.


A UI foi instalada em caráter emergencial para fazer o registro de óbito e fornecer a certidão aos parentes dos falecidos já identificados pelo IML.


O gerenciamento da UI está sob responsabilidade do cartório do Registro Civil das Pessoas Naturais do 4º Subdistrito de Belo Horizonte, que está contando com o auxílio do cartório do 2º Subdistrito da capital para conseguir atender toda a demanda.


Nos três primeiros dias de funcionamento da Unidade Interligada foram feitos 22 registros de óbito no local. 

 

Funcionário do 4º Subdistrito de Belo Horizonte recebe a certidão de óbito para ser entregue aos familiares de uma das vítimas

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Recivil (Jornalista Melina Rebuzzi)